Arquivo da tag: Chapa 2 Oposição Unificada

CHAPA 2 responde: Afinal, que sindicato queremos?

Nós, servidores públicos, merecemos 2016-08-17-06-31-19e precisamos de um sindicato limpo, livre de fraudes e sem desvios, que
represente os interesses dos trabalhadores e não de partidos e governos de plantão.

Não precisamos de um sindicato atrelado à CUT e centrais sindicais pelegas e governistas, que viva de imposto sindical, e não precisamos de direção que tome posicionamentos políticos em defesa de governo sem sequer consultar a categoria. Continuar lendo CHAPA 2 responde: Afinal, que sindicato queremos?

08 de dezembro, quinta-feira: dia de acabar com os golpes, as fraudes e o autoritarismo em nosso Sindserv

Nesta quinta-feira, os serv2016-02-03-17-38-08idores públicos de São Bernardo do Campo terão uma tarefa histórica: enfrentar todas as dificuldades impostas pelo esquema de eleição estabelecido pela CUT e sua chapa governista e votar pela mudança, fazendo justiça à decisão soberana da categoria que já no primeiro pleito elegeu a CHAPA 2.

Porém, votar novamente e mais uma vez na CHAPA 2 não se trata apenas de fazer justiça nem de reafirmar o desejo de mudança; se trata acima de tudo de livrar nosso sindicato das amarras de governos, partidos e centrais sindicais pelegas e governistas, retomando-o para o controle dos servidores; se trata de juntos transformarmos nosso sindicato em uma ferramenta de luta e de organização de todos os servidores públicos em defesa de nossas conquistas, contra os duros ataques aos nossos direitos e contra o desmonte do serviço público. Continuar lendo 08 de dezembro, quinta-feira: dia de acabar com os golpes, as fraudes e o autoritarismo em nosso Sindserv

CHAPA 2: Propostas para devolver o sindicato aos servidores

Lutaremos por…

DIREITO À MELHORIA DAS CONDIÇÕES ECONÔMICAS E DE TRABALHO

 Abono na aposentadoria compensatório para o fundo de garantia;

  • Adicional noturno após as 18h;
  • Aposentadoria especial por periculosidade para GCMs e demais profissionais que exercem atividade de risco;
  • Concurso de acesso para os cargos de gestão e chefias;
  • Concurso público para recomposição do quadro de funcionários;
  • Contra o cargo largo, as funções gratificadas e cargos comissionados com altos salários;
  • Contra o desrespeito à Lei do Piso, efetivado pela administração ao determinar que professores em horário de HTP substituam ausências;
  • Contra o desvio de função e a sobrecarga de trabalho;
  • Efetivação da aposentadoria especial para todos os profissionais do quadro do magistério;
  • Elevação do piso salarial do funcionalismo;
  • Equiparação salarial efetiva, com estabelecimento de mecanismo que garanta a manutenção da equiparação;
  • Fim da terceirização e pelo reaproveitamento do quadro de profissionais terceirizados por meio de concurso que valorize o tempo de serviço prestado ao município de SBC;
  • Gratificação por insalubridade aos servidores que atuam em serviços mental e fisicamente desgastantes;
  • Gratificação por local de exercício para TODOS os servidores que atuam em áreas distantes do centro e em áreas de risco;
  • Implementação de programa de incentivo à dedicação exclusiva;
  • Implementação do PCCS-SUS;
  • Inclusão de todos os trabalhadores nos acordos coletivos;
  • Isonomia de direitos entre celetistas, estatutários e terceirizados;
  • Programa de recuperação das perdas salariais e reposição do poder aquisitivo dos servidores públicos; contra a PLP 257/2016!
  • Programa de reestruturação dos próprios públicos e reposição de instrumentos de trabalho (ferramentas, mobiliários, equipamentos de proteção individual, automóveis, materiais etc) que garanta com equidade condições dignas e saudáveis de trabalho para todos os servidores e de atendimento aos munícipes!
  • Quantidade adequada de profissionais em cada local de trabalho;
  • Reajuste anual dos vencimentos;
  • Redução da jornada de trabalho para os profissionais da saúde, auxiliares em educação e demais trabalhadores;
  • Regulamentação das horas-extras;
  • Regulamentação para cumprimento e fruição de banco de horas;
  • Respeito à composição da jornada de trabalho dos servidores;
  • Retomada da proposta de estatuto dos profissionais da educação construída pelos trabalhadores, adequando-os às necessidades atuais e novas demandas;
  • Revisão do acordo coletivo de 2015, buscando a inclusão dos cerca de 200 aposentados que foram esquecidos pela atual direção;
  • Revisão do estatuto da GCM;
  • Transporte gratuito, ou reembolso no valor equivalente ao que é gasto, ao servidor que em função do serviço tenha de se locomover de sua unidade de lotação;
  • Vale-transporte integral e vale alimentação a todos os servidores, com revisão de valores.

Continuar lendo CHAPA 2: Propostas para devolver o sindicato aos servidores

Sabão e espelho não fazem mal a ninguém

Não está sendo fácil ser alvo de calúnias e difamações feitas por pessoas que para se manter no aparato e continuar servindo aos interesses do governo do qual fazem parte, inventam mentiras  tentando depreciar a imagem profissional de um servidor que, em última instância, é colega de trabalho delas.

Ora, é assim, enganando os trabalhadores com calúnias a respeito dos adversários que elas querem continuar na direção do sindicato? Continuar lendo Sabão e espelho não fazem mal a ninguém

CHAPA 2 por uma gestão transparente, democrática e responsável das finanças do sindicato

or uma ESPELHO DE PEROBA 2O material de campanha da chapa governista continua na mesma linha suja das outras duas eleições: propostas requentadas, propaganda enganosa, informações distorcidas e calúnia, muita calúnia…

Eles não aprendem?! Acusam os outros das mazelas que eles fizeram e fazem. Será que não têm espelho? Ou precisam mesmo é de óleo de peroba?!

Chega a ser irônico constatar que em apenas uma frase conseguem dizer três mentiras grosseiras, enquanto escondem a verdade da categoria.

Contra calúnias e mentiras, os fatos:

  1. A CHAPA 2 jamais esteve à frente da direção do Sindserv;
  2. As duas centrais sindicais que nos apoiam também não (ao contrário da CUT – esta sim à frente do sindicato há décadas);
  3. A ação do Sindserv para desconto do imposto sindical é de 2008 – ano em que integrantes da chapa marinheira e Chagas dirigiam o sindicato.

Continuar lendo CHAPA 2 por uma gestão transparente, democrática e responsável das finanças do sindicato

Informes urgentes da eleição do Sindserv

Durante todo o dia de ontem, e já nesta manhã, membros e apoiadores da chapa governista chegaram aos locais das urnas com carros lotados de pessoas para votar.
Respeitamos o direito de todos ao voto, mas lamentamos que enquanto disponibilizam automóveis para buscar seus próprios eleitores, realizam roteiros e horários de urnas que impedem funcionários e professores das escolas de exercerem seu direito ao voto. Tem escola que funciona até 18h e as urnas só serão passadas após 19h!!!
Se a urna ainda não chegou em sua escola, ou em sua unidade de trabalho, organize-se, pratique carona solidária e se dirija junto com seus colegas para votar em uma das seis urnas fixas. Ajude a tirar nosso sindicato das mãos do governo.
ATENÇÃO! INFORMAÇÃO DE ÚLTIMA HORA!
Carro da urna 14, contratado pelo sindicato, tenta furar bloqueio policial. A urna está parada!
Pedimos a todos que não votaram ainda que se dirijam até um ponto de urna fixa para exercer seu livre direito de voto. E estamos exigindo providências imediatas para o sindicato no sentido de substituir o carro para que a coleta dos votos não seja ainda mais prejudicada.
CARRO DA URNA 14 AINDA NÃO FOI SUBSTITUÍDO! SERVIDORES PÚBLICOS ESTÃO SENDO PREJUDICADOS EM SEU DIREITO DE VOTO!!! CARRO PARA BUSCAR GENTE EM CASA PARA VOTAR TEM, MAS CARRO PARA CUMPRIR O ROTEIRO DA URNA NÃO????
Não deixe de votar. Exerça seu direito de voto em uma das 6 urnas fixas:
Até 19h30:
  • Sindserv (rua Caetno Zanella – Ferrazópolis)
       Até 20h:
  • Secretaria de Esportes/ Poliesportivo (Avenida Kennedy, 1155)
  • Paço Municipal
  • IMASF
  • SU – Garagem Municipal (Av. Caminho do Mar, 2795 – Rudge Ramos)
  • Secretaria de Educação (Avenida Wallace Simonsen, 188)