Voto Haddad 13 e peço que você vote também, não anule, não vote em branco, nao se omita nem vote no coiso.

Peço apenas um tempinho de sua atenção porque, face ao momento em que vivemos, a cada dia que passa mais e mais angustiante fica ao constatar que estamos a um passo de uma ruptura democrática sem precedentes que se ampara em uma verdadeira fraude eleitoral por meio de uma campanha de disseminação de mentiras, calúnias e difamações e que encontra eco no sentimento (legítimo até) de repulsa a um partido que governou o nosso país por 14 anos, e que entre acertos e desacertos mais do que frustou, traiu nossa confiança ao se aliar a quem dizia combater e ao praticar muito do que criticava.

Todavia, o que se apresenta como alternativa propõe um programa econômico de cortes de direitos sociais, de direitos trabalhistas e de direitos civis sem precedentes e que, se alcançar o poder, atingirá cruelmente a todos nós, e em especial a grande parcela da nossa sociedade, que é pobre, negra, feminina, além das minorias historicamente excluídas, perseguidas e massacradas.

Não estamos diante apenas de um projeto político autoritário de sociedade, mas de completo desmonte de serviços públicos, de aprofundamento dos cortes nos investimentos em educação, segurança, saúde, habitação, saneamento básico… em detrimento do favorecimento dos grandes empresários, ruralistas e banqueiros.

Avizinha-se, com o programa econômico que pretende impor Bolsonaro, mais crise e potencialmente uma situação de caos social, com aumento da violência alimentado pelo discurso de ódio, homofóbico, racista, misógino, xenófobo de um sujeito e de uma candidatura que despreza os direitos básicos e fundamentais.

Essa violência política já se concretizou em assassinatos, espancamentos, agressões verbais e ameaças amplamente divulgadas, e que não raro nós aqui somos vítimas também. Cabe por um basta nela.

É de seu conhecimento que, particularmente, tenho motivos de sobra para, tanto como muitos, repudiar o PT, por toda nossa trajetória desde a luta pelo Estatuto dos Profissionais da Educação, passando pela nossa greve de 2015 e posteriormente pelas eleições do sindicato dos servidores; no entanto, chegamos num momento em que precisamos ao menos garantir o direito de lutar pelos nossos direitos, e como é de conhecimento geral, Bolsonaro ameaça banir, prender e eliminar os ativistas (que somos todos nós, eu você, e qualquer um que, militando organizados ou não, saímos às ruas para reivindicar melhores condições de trabalho, de salário, educação de qualidade etc).

Por isso, neste momento, sem arredar centímetro que seja de toda a minha crítica ao petismo, escolho votar pela preservação da civilização contra a barbárie que é representada pelo candidato e pela candidatura de Bolsonaro.

Caso vença Haddad, continuarei sendo oposição, continuarei lutando como sempre lutei pelos nossos direitos e por uma sociedade verdadeiramente justa e igualitária; caso vença Bolsonaro, tb continuarei lutando, porém, a julgar pelas ameaças que este candidato proferiu em toda a sua campanha, no dia da votação do primeiro turno e no discurso do último domingo, sinceramente temo pela minha segurança, pela minha vida e pela vida de tantas pessoas que conheço e conhecemos, pessoas como você, que apenas lutam pelas coisas que acreditam, que fazem greve quando precisa, que é tão trabalhadora e tão ser humano como qualquer um de nós.

Desculpe ter me alongado. Na verdade, não pretendia, mas peço que assim como eu, faça uma reflexão e ajude a derrotar esse projeto nefasto, imensuravelmente muito mais nocivo do que tudo que o petismo possa nos ter feito, ou que possa nos fazer. P

Precisamos recuar um passo, para não retrocedermos 50, 60 anos, tal como pretendido por Bolsonaro. Vidas estão em jogo: a sua, a minha, a nossa e de tantas pessoas… Voto 13, voto Haddad, sem ilusão, mas consciente de que não posso ser conivente com a barbárie anunciada e projetada por Bolsonaro, reconhecidamente admirador de torturadores e de ditaduras.

Deixo abaixo alguns links de notícias importantes para ajudar na reflexão.

Marcelo Gonçalves Siqueira
Diretor Escolar
São Bernardo do Campo

*

https://br.noticias.yahoo.com/joaquim-barbosa-declara-voto-em-haddad-pela-primeira-vez-em-32-anos-um-candidato-inspira-medo-135141472.html?

fbclid=IwAR3ZhunNSQX9AHNNJAA4OyRQoKP5OiybJF29xwKmBuGiMEm2z04d2J0dX_0

*

https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/rfi/2018/10/26/distancia-entre-candidatos-cai-e-eleitores-contam-porque-desistiram-de-bolsonaro.htm?fbclid=IwAR2dujAbOzljpcs7dFXFFzoDZpGbnkOPa8uwRWJA9eZNGdicS-d8R0vZZV0

*

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/10/12/politica/1539356381_052616.html?id_externo_rsoc=FB_CC&fbclid=IwAR3y5HFX7lTQeaiTAEfKV9eE7UfRwOe6Dp8kch39F8CaCVGPlTr_woWW1L8

*

https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/10/arroubo-autoritario-faz-bolsonaro-perder-eleitores-na-reta-final.shtml?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_campaign=compfb&fbclid=IwAR1WpWSumPE_33lBZ0m4nYDsjjhvVV0DoGNiCJWUh2MtsO2rShwFTFpAEtE

*

https://brasil.estadao.com.br/blogs/inconsciente-coletivo/budistas-de-verdade-nao-votam-em-bolsonaro/?from=whatsapp&fbclid=IwAR0yXgHYTkNpwUrvzWYTy1GPrS8ecitzDKCSYM8Y-Go4_VcIhzLNaJkfmGc

*

https://www.infomoney.com.br/mercados/politica/noticia/7731955/tragedia-e-autoritarismo-economist-e-financial-times-se-voltam-contra-bolsonaro-na-reta-final-da-eleicao?utm_medium=social&utm_source=facebook&utm_campaign=editorial&fbclid=IwAR3QbG4HZjwvtg0moBTf0UJSVBQFcwS20Mx4kGFBgAp8b5exWtrY0wa_DQg

*

https://catracalivre.com.br/cidadania/marcelo-tas-declara-voto-a-contragosto-em-fernando-haddad/?fbclid=IwAR2y3lwzIhk7J26898nApGh9BDNRIShI8JV8fvD69METjcxvlP3kgLR88kE

*

https://congressoemfoco.uol.com.br/opiniao/editorial/nossa-opiniao-bolsonaro-e-o-pior-que-nos-pode-acontecer/?fbclid=IwAR3fg6uO7UINK16MAFA-HaiNOnIRRCKDfAjPr5akFavpfIwU39pkDuYBix8

*

Bolsonaro, na Câmara, elogiou Chávez, Fujimori e Pinochet

*

https://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,equipe-de-bolsonaro-quer-cobranca-de-mensalidade-em-universidades-federais,70002557697?from=whatsapp&fbclid=IwAR1sj9LBKVmxzzHOTJCsno9gLutHjzuuMn_bhyvMptsQLdqg16cEWGNT-Uk

*

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/10/24/opinion/1540394956_656180.html?id_externo_rsoc=FB_CC&fbclid=IwAR1GI6Zc1ViHqtC3aZWNG2W203K-C0UzqYh5LsyEh1bCr37EOd_tQNnkmzM