Certas pessoas…

Certas pessoas, pelas suas absolutas falta de caráter, não merecem de nós mais do que o silêncio. No entanto, quando – escondidas atrás do anonimato, de pseudônimos ou por detrás dos muros de instituições – as suas ações não apenas são potencialmente danosas às conquistas da coletividade como também tornam-se concretamente criminosas, pois intencionalmente caluniosas, autoritárias e contra os interesses da categoria, o nosso silêncio nos coloca na condição de cúmplices do maucaratismo e dos acintes que estas pessoas, fingindo nos representar e utilizando indevidamente os nossos recursos, criam contra nós mesmos, contra a própria categoria, contra o processo democrático, contra os trabalhadores, contra a educação. Não nos calaremos jamais! Nunca é demais lembrar: há momentos em que silenciar é mentir!

2 opiniões sobre “Certas pessoas…”

  1. Marcelo: tenho conversado com outras pessoas e, segundo a minha avaliação “passou da hora” de vocês se manifestarem, até para se diferenciarem. Para a Rede, hoje, vocês estão”misturados” com tudo isso e … “tudo isso”… significa sim, falta de caráter, má fé, etc… etc… Há que se fazer “um talho” nesta realidade, esclarecendo a diferença. A Rede merece isso e vocês também… Ana Paula

  2. Olá, Ana Paula, tudo bem? As reiteradas insinuações e comentários difamatórios publicados por todos os meios oficiais e não oficiais (incluindo páginas em redes sociais, site e boletins impressos do próprio sindicato) caracterizam uso indevido do aparelho institucional por parte daqueles que estão à frente da direção. Tais ações não são inéditas, mas foram aprofundadas na atual gestão e tem o objetivo óbvio de colocar em descrédito e desmoralizar todos aqueles que ousam pensar diferente deles e assim, por tabela, desmotivar a participação dos trabalhadores nos fóruns de decisão. Trata-se de postura antissindical, autoritária (quiçá de assédio moral!) e que só serve aos interesses dos governos de plantão. Não é um grupo em específico que tem sido alvo dos ataques daqueles que deveriam nos representar, muito pelo contrário, a direção do sindicato acusa todos os que ousam pensar por si próprios de que estariam fazendo política partidária, que estariam a serviço de outros interesses que não os da educação, que estariam em disputa pela direção do próprio sindicato, que só estariam interessados em derrubar o governo do momento. Ao mesmo tempo que acusam, fazem o jogo duplo a favor do próprio governo de plantão e contra os interesses da categoria. Agem, assim, contra a própria organização sindical e nos acusam de ser contra o sindicato (!). Absurdos que, infelizmente, encontram eco em algumas mentes desavisadas. Enganam-se os que pensam que nossa questão é pessoal, ou de disputa partidária, ou de disputa por direção sindical, ou em busca da construção de outro sindicato… Somos profissionais da educação, trabalhadores da base que têm tanto a perder como qualquer outro se o projeto da administração for levado à cabo. Por isso, você tem razão sobre o alerta que faz. Não basta que estejamos juntos à categoria e que, em nossas ações, permanecemos radicalmente fiéis aos nossos princípios, isto é, continuamos defendendo e representando as decisões coletivas e o processo democrático. A história sempre mostra de que lado de fato cada um está – e mostrará, mais cedo ou mais tarde. No entanto, é preciso desmarcarar a farsa e os farsantes de uma vez por todas. E o faremos, não por meios escusos, nem escondidos por trás de perfis falsos, comentários não identificados ou boletins anônimos e outros meios ardis. O que nos interessa (a nós profisisonais e à educação pública), ao final das contas, é que seja aprovado o Estatuto dos Profissionais da Educação com base nos princípios com os quais construímso coletivamente a nossa proposta. E princípios – alguns não entenderam ainda – não se trafica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s